sexta-feira, 17 de agosto de 2007

Curtas

Alimentação express

Os gansos de foie gras levam uma vida duríssima. Para deixar o fígado gordo, cirrótico e cremoso do jeito que a gente adora, os pobre bichos são confinados em espaços minúsculos para se mexerem o mínimo possível - antes, costumavam pregar as patinhas deles no chão para deixá-los imóveis, mas acho que isso acabou - e alimentados por até três semanas através uma sonda ou funil que leva a comida diretamente ao estômago. Tudo para alimentá-los ao máximo, no menor tempo possível... mais ou menos como têm sido meus almoços.


Comida de pendurar

_ Nossa, mamãe! Que colares legais!
_ Gostou, filha?
_ Adorei. Parecem umas azeitonas!

Em dias em que não há tempo nem para almoçar, um colar de azeitonas pode ser uma boa pedida.


Importantíssimo

Trim, trim, triiiim!

_ Alô.
_ Mamãe?!
_ Filha, eu estou no meio de uma reunião.
_ Eu sei, eu sei!
_ Eu falei pra você não ligar.
_ Falou, mas também falou que eu podia ligar se fosse um caso de vida ou morte.
_ Foi só por isso que eu atendi o telefone. Quem morreu?
_ Sabe aquela espinha horrorosa que apareceu bem no meio da minha bochecha?
_ Sei. Gangrenou? Você vai morrer?
_ Não. Sumiu! Não é o máximo? Agora, minha vida volta a fazer sentido. Ah, mamãe, graças a Deus! Eu tinha que contar pra você...

8 comentários:

Lala disse...

1 - Esfiha na mesa em frente ao computador é o próprio funil de ganso.
2 - Colar d azeitonas?? Genial! Brincos de cereja para sobremesa!!
3 - Que bom que a espinha sumiu. Ela passou Vidrex nela?

Querida, tb tô assim essa semana. Acho que merecemos um encontro fadófilo semana que vem. Até porque tem gente que ainda não ganhou presente de aniversario.

Cláudia disse...

Mas não é mesmo um caso de vida ou morte? A minha filha me ligava urgente também, pra perguntar se podia comer um biscoito.

ENCONTRO FADÓFILO JÁ!
beijos

Cassio disse...

Meninas são Lindas. :)

MH disse...

Everybody wants a piece of me too. Argh, argh, argh.

E espinha misteriosamente desaparecida não só é caso de vida ou morte, como um quase-milagre. Qual o segredo??? Minha eterna adolescência adoraria saber...

beijo

angela disse...

q linda sua filha!!!Cassio, meninas são mesmo lindas! qdo "libertei" uma joaninha que tinha ido parar no quarto da minha Sofia, de 4 anos, ela disse: mamãe, vc é minha heroína, te amo!!afffffffff. derreti né...rsrs

Ana Téjo disse...

Lala,
Assim como qualquer outra coisa na frente do computador, na hora do almoço & do jantar. O que me salva é que às vezes esqueço de comer.
Eu aceito desesperadamente o encontro, mas podemos marcar para depois do dia 31? Até lá, tô morta pra vida...

Clau,
Incrível como as prioridades mudam, não é? Hoje, que somos adultas e cheias de responsabilidades, nada menos grave que "devo ou não devo comprar uma roupa nova para sair com ele hoje?" nos abala.

Ana Téjo disse...

Cassio,
Muitas vezes são mesmo.

MH,
Vou perguntar a ela. Sei que ela andava esfregando um sabonete com uma espécie de sapólio no rosto já há algum tempo.

Ana Téjo disse...

Angela,
Uma terrível e ameaçadora joaninha? Quando eu era pequena, achava que se cogumelos de bolinhas eram venenosos, as joaninhas também haviam de ser. Eu morria de medo, como a sua Sofia. Você é, de fato, uma heroína.