quarta-feira, 4 de julho de 2007

Entretenimento da pesada

Ainda sobre as férias escolares, os pobres pais em desespero são obrigados a inventar estratagemas e artimanhas para impedir que seus anjinhos destruam a casa nos momentos de ócio.

E dá-lhe locadora de DVDs. “Mamãe, posso alugar um filme? Posso alugar outro? Outro? Outro? Posso alugar aquele um de novo?” No fim do mês, você descobrirá que gastou o equivalente à prestação de um carro popular em locações e que há uma verdade absoluta nos filmes voltados para o público infanto-juvenil: todos, sem exceção têm “muito louco”, “da pesada” ou “do barulho” no título. Tive a pachorra de fazer uma pequena lista de locações recentes, apenas para comprovar minha tese:

- Mickey em um verão muito louco
- Breakout – Uma aventura muito louca (esse é muito loucA. Vale? Vale, né?)
- Matinê, uma sessão muito louca
- Um Natal muito, muito louco
- Um funeral muito louco
- Um morto muito louco
- Um hotel muito louco

- Brice, um surfista muito louco
- Crazy People, Muito loucos
- Ainda muito loucos
- Madrugada muito louca
- Sexta-feira muito louca
- Uma escola de arte muito louca
- Heróis muito loucos
- Os deuses continuam muito loucos
- Ainda muito loucos

- Top Gang! Ases muito loucos

- Recrutas da pesada
- Um ninja da pesada
- Uma dupla da pesada
- Uma família da pesada
- Uma turma da pesada

- Um tira da pesada 1, 2 e 3
- Churrasco da pesada (é. Churrasco)
- Spot – um cão da pesada

- A gangue do barulho
- Um casal do barulho
- Latidos do barulho
- Uma turma do barulho
- Um salão do barulho
- Harry, um hóspede do barulho
- Little Robots – uma caixa do barulho
- Cupidos do barulho
- Férias do barulho

“Da pesada” e “do barulho” são as crianças em férias. “Muito louco” é o que a gente acaba ficando. Haja criatividade...

12 comentários:

LED disse...

Genial Ana, genial. Só você mesmo prá reparar isso!!!

Ana Téjo disse...

LED, dear,
Certamente há muitos outros.
Vai um cineminha aí?

Gastón disse...

Os deuses devem estar loucos.

Ana, vc viu aquele vídeo do locutor da sessão da tarde falando que o filme é uma tremenda confusão?

Olha só: http://www.youtube.com/watch?v=xEGxWJqvG5A

Cláudia disse...

A gente, que nao tinha videocassete, só estreavam dois filmes por férias, sendo um deles dos trapalhões, nem tv a cabo, nem internet, nada disso, se acabava mesmo era brincando na rua nas férias. Pena que os nossos não possam fazer o mesmo...

Ou assistindo pela milionésima vez a reprise de A Montanha Enfeitiçada e Perigo na Montanha Enfeitiçada.

Thales disse...

Hahaha, ótimo!

Anna disse...

Putz, nunca tinha reparado nisso...
Tens toda razão.
Que falta de criatividade né?
Beijo

Ana Téjo disse...

Gastón,
Se eu tivesse colocado a categoria "loucos" na de "muito loucos", ia estar fazendo lista até agora.
Não conhecia a do locutor. vi depois do seu comentário. Afff! Ninguém merece, né?

Clau,
As crianças que moravam em cidade, nem brincar na rua podiam.
Preciso dizer que eu odiava quando tinha "Semana dos Trapalhões" (sempre detestei Os Trapalhões e sempre tinha a bendita semana) e a "Semana da Lassie", com aquele filme que tem a Elizabeth Taylor pequenininha, sabe? Credo!

Ana Téjo disse...

Thales,
Tks!

Anna,
Nem me fale, nem me fale. Hoje já é dia 05. Faltam só 25 dias.

Dani disse...

E já reparou nas chamadas para a Sessão da Tarde? Sempre começa assim: "Essa galerinha do barulho/da pesada/ muito louca etc".
É só o que se pode dizer dos filmes infantis. rs

Beijos!

Ana Téjo disse...

Dani,
Dá uma olhada no link que o Gastón mandou. Coisa de louco, viu?

Reco disse...

Ana, o pior é ter um filho de 29
anos como eu tenho, que não perde a oportunidade de alugar "Quanto mais idiota 2"... e as férias dele já acabaram!
beijos
Reco

Ana Téjo disse...

Reco,
Para casos graves assim, só tem dois jeitos: ou você caça a carteirinha dele ou faz um "parental control" às avessas em que ele só possa alugar Bergmans, Felinis e Kieslovskys.